Panambi Zona Norte

Pastores:
    Celso Basílio Rheinheimer
    Ivo Lidio Köhn

Endereço:
    Rua Rui Barbosa, 239 – Morro do Grossi
    CEP: 98280-000
    Panambi – RS – Brasil

Fones:
    Paroquial: (55)3375-3950
    Celular: (55) 99600-3224

Email:
    paroquiazonanortepbi@gmail.com
    ivo.kohn@hotmail.com

Comunidades Atendidas:
    Panambi Zona Norte, Rincão Fundo, Rincão Frente, Bairro Planalto, Bairro Alvorada, Bairro Alves Klasener

Programa de Rádio:
    Nome: Gotas de Orvalho
    Data/Hora: Diariamente, das 06:40h às 06:55h. (Aos domingos, das 06:55h às 07:30h).
    Acompanhe em: sb1320.com.br

Histórico:
Em 2017 as igrejas reformadas comemoraram 500 anos de Reforma. A Igreja Evangélica Congregacional do Brasil – IECB – em 2019 comemora seus 77 anos de fundação. Em vários lugares se lembra esta data de 11 de janeiro de 1942, entretanto muitas comunidades, ainda independentes, já festejaram mais tempo de existência, como nossa revista vem publicando constantemente, pois, conforme registros, algumas já são centenárias.

O pastor Karl Spittler, nascido na Alemanha, em 1887, na verdade chamado de Ludwig Christian Karl Spittler, recebeu ali sua educação geral e humanística. Na Primeira Guerra Mundial (1914-1918), serviu como capelão no exército alemão no front francês. Duas vezes foi ferido com gravidade – primeiro ao sofrer uma estocada de baioneta e depois ao ficar parcialmente soterrado numa trincheira durante sete dias. Havia sido contado entre os mortos; quando estava por ser sepultado, percebeu-se que não estava morto. Recuperando-se, sentiu o chamado de um trabalho missionário na América do Sul, emigrando, então para o sul do Brasil, acompanhado de esposa e filhos.

A década dos anos vinte do século passado demarca a última década de intensa imigração alemã para a colonização do Sul do Brasil. Nas colônias nascentes os imigrantes procuravam organizar-se assim que fosse possível e da melhor maneira, o que implicava fundar escolas e igrejas onde seus filhos recebessem educação, as famílias pudessem celebrar cultos e realizar ofícios eclesiásticos. Tais iniciativas não raro esbarravam na falta de professores e pastores que atendessem satisfatoriamente essas demandas. Reunindo os atributos de professor e pregador, Karl Spittler encaminhou-se para essas colônias e lá se estabeleceu na qualidade de leigo, mas com formação teológica e ordenado pastor.

Com espiritualidade, coerência e boa-fé, iniciou um trabalho pioneiro em comunidades independentes de fiéis luteranos no Rio Grande do Sul. Conta-se que logo após sua chegada ao Brasil pertenceu ao Sínodo Riograndense da Igreja Luterana e que dele se afastou diante da exigência de um necessário retorno temporário à Alemanha.

Em 1º de junho de 1924, Karl Spittler fundou uma Comunidade Independente na Linha Morengaba, em Neu-Wüttemberg (atual Panambi/RS), onde atuou por treze anos na função de pastor e professor. Nesse período ele reuniu diversas comunidades no RS, e se associou à Igreja Congregacional da Argentina, que já estava organizada desde 1924. Em 1938, Karl Spittler tornou-se presidente (provisório) no Brasil da Igreja Congregacional, na época subordinada à Igreja Congregacional da Argentina, organizando as 07 comunidades independentes já existentes no RS. Foi, então, em 11/01/1942 que as comunidades independentes de Morengaba, Panambi; Linha 27, Ijuí (hoje Ajuricaba); Feijão Miúdo, Três Passos; Atí Açú, Sarandí; Linha Otília, Cerro Largo (transferida para Linha 15 de Novembro, Santa Rosa); Marupiara, Paraíso do Sul e Linha Boêmia, Agudo, se reuniram para a Assembléia de Fundação da IECB como pessoa jurídica sob estatutos registrados no cartório de Cruz Alta. A primeira diretoria Nacional da IECB constituída foi: Ernesto Lammers, Presidente; Gustavo Adolfo Luedke, Vice-Presidente; Theobaldo Scholz, Secretário; Emílio Horst, Tesoureiro. Ainda nesse período a Igreja Mãe dos EUA enviava um Pastor Superintendente dos EUA para intermediação e coordenação. A partir de 1971 é administrada por Pastores da própria IECB. Atualmente o seu presidente é Pastor Rogélio R. Renner, residente em Ijuí, RS.

A IECB teve, como primeira sede, o distrito de Morengaba, Panambi, RS, sendo que, em 1968 a sede da paróquia foi transferida para a Zona Norte, e a partir de 1965 a Sede Nacional passou para Ijuí. Desde sua fundação o trabalho tem-se expandido para seis Estados da Confederação e também no vizinho país do Paraguai, reunindo, depois de muitos anos, mais de 40 paróquias, 250 comunidades, cerca de 70 pastores ativos, como também mantém sua faculdade em Linha 4 Leste, Ijuí-Rs (FACTECON), local de formação teológica dos nossos pastores.

Vários Pastores atuaram no período de quase 80 anos, em Panambi, berço da Igreja Congregacional no Brasil, como igreja independente, até que a IECB oficialmente fosse registrada. Vejamos:
-Karl Spittler: 24/07/1925 – 25/09/1938
-Max Gorski: 30/10/1938 – 28/12/1939
-Max Hoffmann: 1712/1939 – 30/04/1946, sendo que de 11/01/1942 já como pastor da Igreja Evangélica Congregacional do Brasil – IECB
– Christian Heinkel: 04/1946 – 1951
– Erich Edvin Witzke: 05/05/1951 – 11/02/1973
– Emílio Schefer: 29/07/1973 – 10/1989 e depois 02/1999 – 02/2004
– Egon Lindolfo Gund: 1979
– Celso Basílio Rheinheimer: 03/12/1979 – 10/08/1980; 14/02/2005 até hoje
– Lauro Schumann: 20/07/1982 – 15/07/83; 25/10/1989 – 03/03/1991
– Vilson V. Weiss: 29/01/1984 até a divisão das paróquias em 1994
– Dorival Luís Seidel: 10/1990 até emancipação da paróquia de Condor (94)
– Abílio Wagner: Evangelista de 1986 até 2013
– Helio Guido Renner: 03/03/1991 – 06/02/1999
– Lineu Hoffmann: 07/02/1999 – 13/02/2005
– Marcelo Schefer: 02/2004 – 02/2005
– Walter Milton Schwertner: 15/02/2005 – 30/01/2014
– Ivo Lídio Köhn: 04/02/2014 até o presente momento.

Hoje a Paróquia de Panambi Zona Norte (na época 498 famílias), da qual em 1994 se emanciparam as paróquias de Panambi Sul (472 membros) – com as comunidades Arco-Íris – sede, Entre Rios, Fiúza e Maraney; e hoje com mais uma comunidade criada, Assis Brasil. E a Paróquia de Condor (80 membros), com as comunidades de Condor, Mambuca, Ramada, Divisa e Colônia Cash.
Na Zona Norte, tem duas comunidades organizadas, Zona Norte – a sede, e Rincão Fundo. Ainda compõe-se de quatro pontos de pregação, que são: Rincão Frente, Bairro Planalto, Bairro Alvorada e Bairro Alvis Klaesener, com templos em todas elas, exceto no A. Klaesener, que já tem terreno, com projeto de construção. Desde 1979 sempre houve dois ou três pastores ativos de tempo integral ou parcial.

A comunidade matriz foi fundada em 1949, o primeiro templo, de madeira, foi (re)construído no mesmo ano. Em 1963 foi planejado o lindo templo sede, e inaugurado em 1972. Nele foram instalados três grandes sinos, na torre de cerca de trinta metros de altura, que foram inaugurados em 1976. Com o uso do templo, ainda em construção, o antigo templo de madeira passou a ser residência pastoral, por Pr E. Witzke e família, depois Pr E. Schefer, e outros mais. Em 1978 foi dado início da nova casa pastoral, na rua Carlos Von Koseritz, financiada por dez anos, e inaugurada em 1979.

A missão primeira da IECB é evangelizadora, com a pregação da Sagrada Escritura e também na formação integral do indivíduo como cristão e cidadão. Atuamos nas mais distintas faixas etárias, gêneros e interesses: crianças, adolescentes, jovens, casais, mulheres, homens, idosos, células e estudos bíblicos nas casas e bairros, discipulados, sempre com programações específicas. Na Zona Norte, temos nada menos que sete cultos mensais regulares.
Durante todos estes anos, irmãos Pastores com suas famílias, apoiados por leigos fiéis, lutaram em meio às grandes dificuldades, construíram templos e patrimônio, pregaram o evangelho, ensinaram as crianças e as gerações, ministraram ofícios e consolaram os carentes e enlutados. Com certeza, todo este esforço valeu à pena. Hoje é nossa missão continuar construindo o reino.
Mais uma vez se comprova a palavra bíblica: “Os que com lágrimas semeiam, com júbilo ceifarão. Quem sai andando e chorando enquanto semeia, voltará com júbilo trazendo os seus feixes” (Salmo 126,5-6).

A IECB continua escrevendo a sua história, tanto a Paróquia Panambi Zona Norte, como, semelhantemente todas as outras. Hoje você e eu somos os redatores desta história. Vamos escrever bem? Ah, SIM, podemos – wir koennen – we can!
Deus seja louvado. Que ele abençoe a todos, membros e amigos da IECB!

Fotos:

Igreja – Panambi Norte

Casa Pastoral – Panambi Norte